Março 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
procurar na gaveta
 
roupa no estendal

A flash of lightning…

Second chance date

Um cheirinho à noite

Uma questão de espírito.....

Novas teorias dos incêndi...

No espírito da gazela

Combinação imperfeita

A mulher da minha vida

Os pernis desequilibrista...

A fuga

O estado da barriguinha

Banho de leggings

Deslumbramentos

A mulher de laranja

Mistérios do Corpo Femini...

roupa famosa

Teoria do Caos

O spiderman fez-me chorar...

Contadores de Anedotas

Quiche Lorraine

É na boa

Dez coisas que hoje me irritaram...

A Síndrome de Arlete

Generation Buraca

Feel like doin' it?

roupa na gaveta

Março 2014

Agosto 2013

Julho 2013

Junho 2013

Maio 2013

Abril 2013

Dezembro 2012

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Dezembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Agosto 2010

Julho 2010

Maio 2010

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Abril 2009

Março 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Fevereiro 2006

Novembro 2005

Agosto 2005

Abril 2005

Janeiro 2005

Dezembro 2004

Outubro 2004

Setembro 2004

Agosto 2004

Julho 2004

Junho 2004

Maio 2004


escreve-nos! já!

arautosdoestendal@gmail

3 dabliús
tags no estendal

todas as tags

Quarta-feira, 12 de Maio de 2004
Gazela escarafunchada não é nada bom
Hoje voltei a cruzar o meu olhar incisivo nas fronhas da gazela da estorieta da savana. Estava de óculos. Parecia outra. Parecia que uma retroescavadora das obras de alargamento do IP5 lhe tinha feito uma visita à zona das beiças, deixando estragos medonhos e agonizantes. Com os óculos por cima, pior ainda. Não há condições, assim. Não há qualidade. Devia haver qualidade. Controlo de qualidade. Quando fosse a sair de casa, a bófia devia aparecer lançada nos seus carros multifunções e atravessar-se-lhe à frente, obrigando-a a remeter-se aos seus aposentos ou então a submeter-se a uma recauchutagem. Qualidade visual. Isso mesmo. Alguém bufou o nome dela na sala mas eu nem consegui perceber bem... era uma linha directa entre eu, à entrada da sala, e ela, sentada no sofá, atrás daqueles óculos de mergulho a grande profundidade. Sem sofás pelo meio, o que é extraordinário. Enfim. Fiquei desfeito, note-se. A babar-me ligeiramente, mas ainda assim, desfeito. É como o leão a micar uma gazela cinquentona e escanzelada, acabada de ser atropelada por uma manada de zebras aos quadradinhos. Dramático. Muito dramático. Um dia destes vou ter com ela e... e... enfim... é melhor não... pode dar-me uma coisa má e trespassar-lhe o esófago com um profundo golpe dos caninos. Carago! E ainda apanho alguma doençola que me lixo. É melhor levar uma daquelas cenas que os pugilistas metem nas dentuças. Hum... esta vida é mesmo difícil... pickwick
tags no estendal: , ,
publicado por riverfl0w às 00:38
link | favorito
Comentar:
De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres