Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Arautos do Estendal

Ela, do alto das suas esbeltas e intrigantes pernas, veio caminhando quintal abaixo até ao estendal, dependurando a toalha onde, minutos antes, tinha limpo as últimas gotas de água. O Arauto viu, porque o Arauto estava lá. E tocou a trombeta.

Ela, do alto das suas esbeltas e intrigantes pernas, veio caminhando quintal abaixo até ao estendal, dependurando a toalha onde, minutos antes, tinha limpo as últimas gotas de água. O Arauto viu, porque o Arauto estava lá. E tocou a trombeta.

Arautos do Estendal

09
Jun04

Olhar Doce

riverfl0w

Sabe bem estar aqui
Longe e perto do meu mundo,
Sabendo que só por si,
Olhares se cruzam num segundo.


Rostos, gestos, sorrisos,
Palavras soltas, afinidades,
Nunca estamos perdidos
Quando os olhos dizem verdades.


Se não fosses fruto proibido,
E houvesse a coragem (que não trouxe),
Hoje mesmo levava comigo
Esse teu olhar, tão doce.


riverfl0w

1 comentário

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.